Chama-se 'rotina'

Dia a dia
Passo a passo
Noite adentro
Mundo afora
Como quase
Quando era
Tudo ou nada
E então
às vezes bom
De vez em quando
às vezes não
de tempo em tempo
Como o que
Agora há pouco
Era verdade
E passou
a ser memória.
E só.
Fim da história.
(André Maurício Corrêa)


André, 34 anos, é catarinense,
atualmente, mora em Curitiba/PR.
 Este texto maravilhoso é de um dos grandes amigos que a vida me deu de presente, André Maurício Corrêa, Editor da Aymará, primo materno. Graduado em Letras pela Universidade Federal do Paraná - UFPR, Especialista em Desenvolvimento Editorial com Ênfase em Livros Didáticos, pela PUC/PR.

A publicação é uma homenagem a quem sempre ajudou, corrigindo meus textos, inclusive, o que eu considero o mais importante, escrito para a oratória da minha formatura na faculdade.

Obrigado André, um grande abraço, sou seu fã.
Marcos Aurélio Carvalho.

mac 2010.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AMIGAS & AMIGOS

OBRIGADO PELOS PRESENTES!

DEZ ANOS