O ABRAÇO DO RODRIGO CAIO, NO DORIVAL JÚNIOR!




Palavras convencem, exemplos arrastam.

Em tempos de excessos nas muitas redes sociais e poucos, afetos pessoais, lemos muitos: “eu te amo”, “você é maravilhoso”, “minha companheira”, “meu ídolo”, "não é só culpa dele, jogamos por ele".

Textões em depoimentos emocionados, carregados de palavras bonitas corrigidas pelo F7. Em tempos de assessores de imagem, imprensa, stylist, e do melhor ângulo para a foto e poses, falta, o improviso. Falta a emoção do inesperado, do real. Da foto descabelada, sem maquiagem.

Falta a surpresa, o frio na barriga, a emoção que há em momentos como:

O abraço do filho depois de um tempo longe de casa.
O abraço do pai depois de um atalho tomado por engano.
O abraço da esposa ou do marido depois de uma palavra dita em excesso, exagero.
O abraço do mestre no aluno que falhou.
O abraço do capitão no colega que perdeu o pênalti ou errou o passe que decidiu o jogo.

No jogo do São Paulo contra o Linense, o Rodrigo Caio marcou o gol da vitória e mais uma vez demonstrou ser um grande homem, e um comandado fiel.
O abraço do Rodrigo Caio no ameaçado Dorival Júnior passou uma mensagem que não precisou ser postada como selfie, ou textão com emoji de coração. Foi apenas um aperto de mão, um abraço apertado, impregnado com suor, respeito, e afeto.
O esporte é também momento de abraçar. Lembro como se estivesse acontecendo agora, o abraço que ganhei e dei do e no Mateus, na final da Liga Nacional de Futsal de Centreventos. Que momento!
O ser humano precisa de mais abraços, menos emojis.
Abraços na família, entre amigos, no trabalho, nos amores, na vida...
E por falar em abraço, um abraço em você, que parou para ler este texto. E quando me encontrar, abra os braços. Ao invés do seu like, eu prefiro seu abraço!



PS: A qualidade da foto é ruim porque eu não encontrei esta foto em site nenhum, mas, se fosse um tapa, teria viralizado em segundos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AMIGAS & AMIGOS

OBRIGADO PELOS PRESENTES!

DEZ ANOS